Embaixada de Portugal na Arábia Saudita

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Mensagem aos Portugueses residentes na Arábia Saudita

Caros portugueses residentes na Arábia Saudita:

Todos saberão da existência de fortes tensões em toda a região do Médio Oriente e que por vezes se manifestam na Arábia Saudita.

Como todos saberão também, desde Março de 2015, a Arábia Saudita está diretamente envolvida no conflito militar que decorre no Iémen. Tem sido desde então frequente o disparo de mísseis daquele país, com cidades fronteiriças sauditas como alvo. Porém, em Outubro de 2016, mísseis balísticos disparados do Iémen foram intercetados sobre o deserto a cerca de 600 km da fronteira, sem provocarem vítimas ou estragos, mas já bem no interior do território da Arábia Saudita, perto das cidades de Meca e Jeddah.

Em 2017 foram surgindo notícias, por vezes sem confirmação segura, de novos disparos de mísseis, mas que provavelmente se terão despenhado no deserto, sem provocar estragos.

Ontem, 4 de novembro de 2017, um míssil disparado pelos rebeldes iemenitas foi abatido pela defesa antimíssil saudita perto do aeroporto de Riade. O incidente foi bem visto, sentido e ouvido em várias zonas da cidade de Riade e foi reportado pela imprensa, provocando alarme, mas sem quaisquer estragos. O funcionamento do aeroporto de Riade prosseguiu. Segundo especialistas, para o míssil chegar tão longe (cerca de 900km), provavelmente não tinha carga explosiva.

A situação continuará a ser acompanhada atentamente. O quadro não é fundamentalmente novo face à realidade que se conhece desde há algum tempo, mas ontem houve um desenvolvimento que justifica relembrar os anteriores apelos à prudência e cautela. A Embaixada dará novas informações ou avisos, se surgirem factos novos. Convidamos todos a consultarem a página internet https://www.riade.embaixadaportugal.mne.pt/pt/

De modo geral, cidadãos portugueses que prevejam estadias mais demoradas devem registar-se sem tardar na Secção Consular da Embaixada de Portugal em Riade (e enviar preliminarmente um e-mail com a identificação e contactos dentro do país para riade@mne.pt).

Recomenda-se ainda que os visitantes se informem sobre as condições de segurança antes de deslocações dentro do país e, em especial, que evitem ir às zonas fronteiriças, particularmente com o Iémen (sul do país) e com o Iraque (norte do país), dada a possibilidade de consequências da instabilidade que afeta os referidos vizinhos, bem como a certas zonas da Província Oriental onde se registaram incidentes. Situações de risco podem surgir noutras partes do país.


Aos visitantes vindos do exterior, antes de partirem para a Arábia Saudita recomenda-se:

- consulta do Portal das Comunidades - Secção Conselhos aos Viajantes (http://www.portaldascomunidades.mne.pt/pt/conselhos-aos-viajantes/a/121-sa#condições-de-segurança);

- contacto com Embaixada de Portugal em Riade e ao Gabinete de Emergência Consular a fim de comunicar os dados pessoais e verificar as condições de segurança (riade@mne.pt; gec@mne.pt)

- respeitar e observar as regras sociais, religiosas e os costumes locais, bem como os conselhos e recomendações de segurança acima referidas.


Sugere-se que seja tomada nota dos números de telefone de emergência:

- Gabinete de Emergência Consular (em Portugal):

- Telemóvel de emergência atendimento 24 horas: +351961706472

- na Arábia Saudita (NB: o operador pode só falar árabe):

- Polícia: 999;

- Ambulâncias: 997;

- Proteção Civil: 998;

- Polícia de trânsito: 993.

Agradece-se a todos os portugueses que tenham conhecimento de compatriotas nossos na Arábia Saudita que não tenham recebido esta mensagem, o favor de lhes darem conhecimento de quanto precede.

Embaixada de Portugal em Riade

05/11/2017

Partilhar:
FacebookTwitterGoogle +E-mail